Nos siga nas redes sociais

podcast

#1 Decepções e frustrações nos games

Neste esplêndido episódio, os casters de elite dividem suas frustrações e histórias com jogos, desde fliperama, playstations 2 e histórias gozadas sobre as mais variadas experiências.

Os casters desse episódio foram:

Você já brigou na lanhouse? Já fugiu da escola de samba canção rasgado, pra jogar no fliperama até a hora da sua mãe aparecer com cabo de vassoura pra te bater até você desejar nunca ter nascido? Bom, isso parece bem específico, mas essas histórias e muitas outras foram contadas neste podcast, neste texto a seguir, vou dar uma leve introdução de algumas histórias.

Quem nunca comprou três por dez, escolheu aquele famoso GTA São Paulo, ou Rio ou GTA Dragon Ball, chegou em casa, colocou no seu saudoso playstation 2 e descobriu um pouco mais sobre biologia feminina, porque ao invés do seu jogo, veio o dvd da brasileirinhas trocada. Que pena não é mesmo?

Agora, eu tenho certeza que você já teve um colega de classe, que eu gosto de apelidar de “Quico do Chaves”, aquele seu colega de escola que tem um videogame foda, que joga na frente de todos, mas nunca empresta e fica tirando onda, fazendo inveja proposital pra cima de seus colegas, pois é, tem história disso também neste episódio. Geralmente era um japonês que tinha algo assim, que recebiam os gameboys, playstation e até o videogame mais raro do Brasil, que é o nintendo 64 com o fabuloso Zelda Ocarina of time, que só dava pra jogar em locadoras de jogos que tinha esse console, que era bem raro e era até mais caro, algumas vezes, do que jogar o playstation, mesmo assim, esse colega ficava se exibindo como um ser superior, por ter esses consoles, isso podia gerar brigas e até exclusão de certas pessoas do círculo de amigos.

Jogo online. O fabuloso mundo das pessoas que preferem a vida online, se estressam por joguinho de fadas, tiros de mentirinha contra outras pessoas. É justo jogar pc contra console? Isso tudo foi discutido nesse episódio.

Se você leu até aqui, talvez você esteja se transformando em fã hein. Que tal, seguir nossa página no Facebook, ou no Instagram, quem sabe, se tiver Twitter, você consegue nos seguir por lá também. Como faz isso? Basta clicar nos botões abaixo. Muito obrigado!

Nos ajude a espalhar o descontrole!

podcast

#6 – Entrevista com Vem Noobar Comigo

É isso mesmo! Nossos casters de elite estão aqui para conversar com a dona do canal Vem Noobar Comigo, falando sobre seu canal no YouTube, seus passos como desenvolvedora e muito mais!

Esse episódio, foi realmente fora da curva, onde foram vistos vários pontos de qual foi a experiência da Viih no mundo dos games, e ainda dando dicas de como manter um canal no YouTube, quais foram seus jogos e sua caminhada na criação de conteúdos.

Acesse o canal da Viih no YouTube clicando aqui

Quer apoiar a Viih? Acesse o PicPay dela clicando aqui

Canal da Viih na Twitch acesse aqui

Nos ajude a espalhar o descontrole!
Continue Lendo

podcast

#5 Apelido pra mais de metro

Neste episódio, estamos passando os limites razoáveis, e nossos casters de elite estão dividindo com vocês, quais eram os apelidos que eles recebiam, e inventavam para seus arquirrivais, e todos nós sabemos, como pré-adolescentes podiam ser nefastos, na arte de insultar, e claro, que muitos desses apelidos alguns levam pra toda vida, como cabeção da malhação que foi inspiração para muitos cabeções por esse “brasilzão” a fora.

Muitos dizem, que antigamente era a melhor época para se crescer. Muitos homens e mulheres foram formados, na pressão do bullying, ou no carinho amigável de apelidos, que poderiam ser usados para ressaltar uma característica sua positiva, ou muitas vezes, negativa. Quem nunca foi chamado de tampinha, ou para os mais altos, como “boneco de olinda”. Se tivesse um nariz um pouco mais avantajado, ja era chamado de pinóquio, ou era acusado de roubar todo oxigênio da sala.

Gostaria de deixar claro que nomes, idades e qualquer informação foram alteradas, e este episódio não é pra ser levado a sério, apenas um podcast sobre apelidos, e experiências com fim de comédia.

Caso tenha se sentido ofendido por qualquer palavra dita, pau no seu … ops, aháá te peguei, ainda ta lendo isso? É sério? Tá, você ganhou, você realmente é um leitor de primeira, mas vê se volta logo a ouvir o episódio, e se quiser dar uma opinião, e xingar muito no twitter, é só nos marcar no @castsemcontrole . Nosso facebook é @semcontrolecast

Quem diria que falar sobre apelidos renderia tantos minutos assim? Realmente essa galera precisa de terapia.

Nos ajude a espalhar o descontrole!
Continue Lendo

podcast

#4 – Sobrevivendo ao mundo apocalíptico

Neste esplêndido episódio, nosso grupo de elite de podcasters Sem Controle, falam sobre como lidariam com um mundo apocalíptico.

Claro, que como brasileiros, nós já temos experiência com hordas de pessoas se comendo, fedendo a um cheiro parecido com a decomposição, e que varrem as ruas espalhando caos e mortes, que é o nosso carnaval.

Será que você seria o sortudo ou azarado que ficaria vivo tempo bastante, pra conseguir ver a civilização cair ao chão? Onde haveria cidades desertas, com comida e suprimentos escassos, e sem nenhuma revista da Tiazinha da Playboy e sem internet? Que mundo horroroso seria, de se viver.

Aposto que você se imaginou com uma arma fodona, e você seria um dos poucos restantes da sociedade, sairia por aí matando zumbis, ou sei lá o que o futuro nos reservou, enquanto se mantém ainda são e ético. Tem certeza?

Você já fica ofegante ao ter que andar até o portão onde o entregador de comida está, e não tem a capacidade de beber água, que é o básico da sobrevivência, mesmo tendo em casa neste exato momento. Imagina ter que disputar isso no tapa com outro esfomeado, ou pior, ter que disputar isso contra um crossfiteiro, que levanta quatro vezes o seu peso, e antes do apocalipse vivia postando #taPago no Instagram.

Sim, você tá ferrado, mas, com esse podcast, pelo menos você pode tirar algumas lições, que no caso são… bom, sabe?… eu não sei, mas deve ter alguma coisa que dá pra aproveitar, como por exemplo, se tiver um apocalipse, tenha um amigo gordinho, porque aí, você não precisa correr mais que os zumbis, só mais que o seu amigo gordinho. Bom, já tá bom de lição.

Melhor eu encerrar esse texto, antes de ser cancelado novamente. Segue nós nas redes sociais, os links estão abaixo, e aperte pra nos seguir nas plataformas de podcast, estamos disponíveis em todas elas. Se quiser doar dinheiro pra pagar o editor que vive atrasando, estamos no Picpay, o código QR está abaixo também.

Nos ajude a espalhar o descontrole!
Continue Lendo

Em Alta

Todos os Direitos Reservados © 2021 SemControleCast